sábado, 23 de abril de 2016

Trilha - Pedra da Boca

Hoje fiz a trilha da Pedra da Boca, na cidade de Araruna, Paraíba. Uma trilha ralada e com um nível de dificuldade considerável se o aventureiro não tiver um bom preparo, coragem e conhecimento dos seus limites para enfrentar uma boa caminhada com altos e baixos, terrenos alagados, além de uma caverna apertada para ser desbravada.
As paisagens que encontrei eram muito bonitas e tinham várias formações rochosas de granito, além de um verde bem agradável de ser visto na vegetação agreste dos Estados da Paraíba e Rio Grande do Norte, pois o local fazia divisa com as duas unidades da federação.
Alguns desafios do dia foram bem vistos por mim, mas outros enfrentei com garra e muito medo, já que o risco de acidentes era bem grande, pois lidávamos com altitudes e espaços escorregadios em paredões de pedra e com poucas possibilidades de apego. Cheguei bem ao final da caminhada, já no início da noite, e com alguns arranhões pelo corpo e muitas histórias para contar. O grupo era bem unido e em muitas situações tivemos que contar com a ajuda de todos para podermos juntos enfrentar os desafios do dia de aventura.
Danifiquei uma máquina fotográfica num escorregão que levei, mas ainda registrei muitas imagens interessantes e que deixo aqui no blog para que todos possam ver um pouco do que encontrei por estas andanças no interior do Brasil.
Amanhã temos outros caminhos para realizar e por sorte levei outra máquina guardada na minha bolsa e que poderei utilizar para os registros do dia. Agora é seguir para a cidade de Passa e Fica, no Rio Grande do Norte, e dormir um pouco para recompor as energias perdidas com as atividades que realizamos e que muito nos ensinaram a mudar a nossa visão do mundo e de tudo que ele nos apresenta de forma desordenada, mas que só precisa de um pouco da nossa atenção para ganhar rumo e ter sentido real.
Uma trilha, quanto mais desafiadora for, mais ensinamentos dos dará.















0 comentários:

Postar um comentário