segunda-feira, 12 de agosto de 2013

O Que Não Tem Valor, Valorizado Está!

Algumas coisas possuem valor sem fim, outras nem tanto...
O que falar daquilo que envolve sentimentos e situações? 
Sempre guardamos nas nossas lembranças mais sentimentais e ficamos felizes quando elas nos remetem às boas situações que fizeram ou ainda fazem parte da nossa vida, seja de que forma for. 
Não adianta explicar os sentimentos, ainda mais quando ele vem de pessoas que são importantes para nossa vida e contribuem para que os nossos momentos sejam cada vez mais impressionantes e tenham perpetuação total na nossa mente que não se cansa de relembrar os fatos que já vivemos e que foram importantes para suprir as deficiências que por algum momento poderíamos estar passando.
Quando recebemos um pouco de afeto e de demonstrações de carinho, ficamos com a certeza de que o mundo não existe somente para nos entristecer. Sempre temos algo bom para captar dessa desordem que impera por aí e que faz da nossa vida um caos em alguns momentos. A maioria das pessoas vive motivada para destruir a alegria dos outros e nem todos sabem realizar atividades de uma forma respeitosa e evolutiva, cultivando o amor ao próximo e, principalmente, o entendimento real das situações.
O valor das pequenas lembranças nos dá combustível necessário para ligarmos o motor e seguir viagem de cabeça erguida e com muita confiança em dias melhores e mais serenos, onde a certeza de bons resultados é maior do que a desgraça das gritarias e mal entendidos do cotidiano.
Saber alimentar o nosso ego com estas "lembrancinhas mágicas" é de grande importância para sabermos que nem sempre somos vistos com olhos negativos e que a admiração é bem pessoal e adaptada a cada pessoa e pensamento. Valorizado está aquele que recebe a atenção na hora certa, da forma mais inusitada, mais amorosa e sem cobranças futuras. 
Sem valor está aquele que não percebe isso e torna a vida dos outros um inferno e caos, onde os dias não possuem mais brilho e cada atividade é realizada como um suplício de uma vida que poderia ser muito boa e feliz.

0 comentários:

Postar um comentário