quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Sarau da Independência

Hoje, no Mercado da Boa Vista, aconteceu o Sarau da Independência, que foi o melhor grito que poderíamos dar para libertar o nosso ego e passar uma tarde descontraída escutando a divertida Banda Tanga de Sereia, que canta os amores passionais como ninguém de uma forma leve e bem popular.
A música que mais me chamou a atenção foi uma que era cantada por Diana, que se chama "Por que Brigamos?" e que sempre escutava na minha infância nos bares do mercado público lá de Garanhuns.
Era um sucesso amplamente cantado pelos que sentiam uma dor de cotovelo ou tinham um caso de amor mal resolvido.
Achei melhor citar a música aqui, pois ela não saiu da minha cabeça.

 

Por que Brigamos?

Quanto mais eu penso em lhe deixar
Mais eu sinto que eu não posso
Pois eu me prendi a sua vida
Muito mais do que devia
Quando é noite de regresso você briga
Por qualquer motivo
Confesso que tenho vontade de ir pra bem longe, para nunca mais te ver

Ó meu amado por que brigamos?
Não posso mais viver assim sempre chorando
A minha paz estou perdendo
A nossa vida deve ser de alegria,
Pois eu lhe amo tanto

Já não consigo esquecer as tolices
Que você diz nessas horas
Já tentei mais não posso
Tenho a impressão que do amor que uma dia existiu entre nós
Hoje só resta uma chama apagando
O medo de ficar só me apavora
E eu me desespero
Só me resta pedir sua ajuda
Pedir que você não me deixe meu amor

Ó meu amado por que brigamos?
Não posso mais viver assim sempre chorando
A minha paz estou perdendo
A nossa vida deve ser de alegria

0 comentários:

Postar um comentário