terça-feira, 6 de setembro de 2011

SAC - Serviço de Agonia do Consumidor

“Seu tempo de espera é de aproximadamente 30 minutos, caso não queira aguardar, digite 03 + Código de área + Seu telefone, que retornaremos o contato”
Você acredita nisso?
Eu não.
Se para nos atender esperamos horas e sempre temos a mesma resposta plastificada, imagine esperar um retorno com a solução dos nossos problemas?
Só vi isso funcionar bem quando há interesse de vender e não de solucionar broncas.
Os serviços de atendimento ao consumidor se tornaram verdadeiros centros de problemas, já que a maioria deles tem base unificada na matriz da empresa para atender as demandas do Brasil todo e isso causa uma lotação excessiva na central de atendimento telefônico e deixa todos nós, consumidores, com os nervos exaustos de tanto estresse e falta de respeito.
Se existir condições de resolver um problema de uma só vez, ótimo.
Mas se tivermos que ligar várias vezes, a situação se torna pior e aflitiva, já que nem sempre um atendente dá andamento de uma forma adequada e que atenda às necessidades do cliente, deixando este muito insatisfeito e cheio de receios sobre o serviço prestado e também sobre a credibilidade que a marca terá nas nossas vidas daqui para frente, pois é muito difícil acreditar novamente em algo que nos causou transtornos sem fim.
Hoje, com o aumento das demandas pelo direito do consumidor, os centros de atendimento ficam congestionados de ligações que nem sempre buscam uma solução, mas em alguns casos tirar dúvidas ou perguntar informações que poderiam ser conseguidas no manual do produto ou até com uma observação mais apurada do funcionamento do aparelho. Sabemos que os manuais são sempre uma forma terrível de aprender a usar algo e que sempre preferimos esperar que alguém nos diga como fazer algo e por isso terminamos ocupando o espaço de quem realmente busca por soluções desesperadamente.
Outro fato que nos deixa agoniado é a forma que os atendentes possuem de driblar as soluções, pois se enchem de arrogância para tentar nos convencer que estamos errados e que a ligação é desnecessária. São respostas prontas e vagas para problemas sem solução e com raízes profundas.
Até quando seremos enganados pela maioria dos Serviços de Atendimento ao Consumidor?
Será que não temos nada que fazer e gastamos nosso tempo ficando pendurados no telefone esperando respostas irresponsáveis e sem fundamento?
Era muito bom que para cada reclamação efetuada, as empresas pagassem uma multa pelo tempo que excedeu o tempo estabelecido para solução do problema. Acredito que assim as situações iriam melhorar muito, pois com o peso no bolso, as soluções seriam breves e definitivas.
Mas como somente minha palavra não basta...

0 comentários:

Postar um comentário