terça-feira, 26 de janeiro de 2016

Imagético

É muito bom quando conseguimos expressar por imagens tudo aquilo que sentimos, já que a sensação de ter comunicado algo é muito significativa e termina falando bem mais que mil palavras. Registrar uma fotografia é bem mais do que captar um momento; é mostrar algo que todos viram, só que de uma forma diferente, única.
Fico observando fotografias de viagens que faço em grupo, nas trilhas que realizo, e vejo que cada pessoa tem o seu jeito, o seu foco. Enquanto uns dão ênfase às pessoas, outros valorizam os animais, mas alguns preferem as paisagens ou situações engraçadas. Porém há aqueles que não conseguem ter um direcionamento e fazem registros que nunca são vistos como interessantes e não mostram nada para ninguém, tamanha é a incapacidade de se tornarem imagináveis, imagéticos.
Quando captamos algo com maestria, deixamos as pessoas cientes do que realmente existe em determinados locais e isso não é nada trabalhoso de ser realizado quando fazemos com naturalidade e praticamos a cada dia a arte de fotografar. 
Não é o equipamento, a iluminação ou a marca que nos fazem reter ótimas imagens, mas a nossa capacidade de estarmos atentos aos detalhes e a tudo que eles podem nos proporcionar. Momentos simples podem se transformar em criações grandiosas e belas paisagens podem não significar nada para aqueles que não sabem o melhor ângulo da fotografia.
Fazer com que a nossa imaginação se torne possível é tarefa simples e basta estarmos atentos a cada momento, sabendo a hora adequada de guiarmos os nossos olhos e pensamento para desfrutarmos das melhores impressões e com isso nunca perder as belezas que a vida nos oferece para imortalizarmos numa imagem bem realizada.
É muito bom guardarmos na mente as sensações boas que vivemos e isso não tem preço nem câmera que pague, mas se soubermos dosar uma ação com outra e materializarmos o que a nossa mente captou, já é um bom motivo para ficarmos imaginando e tendo boas sensações por muito, muito tempo. 

0 comentários:

Postar um comentário