segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

Iniciando os Trabalhos

Estava aqui pensando...
Caminhamos por lugares distintos, mas nem sempre percebemos o que está ao nosso redor e ficamos conhecendo somente a metade daquilo que está totalmente disponível para a nossa vida e que pode ser de grande significado para todos nós, seja para nos edificar ou somente para nos divertir.
Uma forma de percebermos isso naturalmente é quando vamos a algum lugar e ele se apresenta diferente a cada nova passagem, mostrando que a nossa visão de mundo ainda não está totalmente apurada e capaz de sentir realmente o que nos espera e nos faz ficar cada dia mais capacitados para encontrarmos o que é bom e que muito nos faz bem. A vida não se mostra de uma vez só para todos nós e isso já é bem notado em cada passagem que fazemos por vários ambientes, sejam eles pessoais, familiares ou até profissionais. 
Nada deve passar despercebido ao nosso olhar atendo, ou quase nada...
Sabemos que é impossível perceber tudo e se desejarmos ser o oráculo do mundo, ficaremos com uma angústia tremenda, já que notaremos a nossa incapacidade de sermos os sobrenaturais que encontramos facilmente nos filmes de ficção e que terminam sendo usados para a nossa inspiração, quando na verdade o nosso espelho precisa ser as pessoas mais próximas, como os nossos pais, amigos e parentes que admiramos e que servem de inspiração para muitos momentos, inclusive para abrir os nossos olhos para os detalhes obscuros que a vida vai nos apresentando e que nem sempre são válidos e acrescentam ao nosso espírito já cansado de tantas loucuras.
As águas claras são bem mais fáceis de serem navegadas e se estivermos atentos às mudanças de marés e ao sol que insiste em nos queimar, ficaremos com uma cor mais agradável e ainda contribuiremos para a fixação das vitaminas necessárias ao nosso metabolismo, as quais são perdidas com os esforços desnecessários com as pessoas erradas e com atividades sem nenhum fruto.
Escorregar somente se estivermos desatentos, mas isso é bem fácil de ser evitado se antes de cada passo ficarmos atentos aos pontos que nos rodeiam e nos fazem seguir com firmeza e nunca desistindo dos nossos ideais. 
A alegria é sempre boa para todos os momentos e iniciar novos ciclos nas nossas vidas só nos faz perceber que a rotatividade é bem necessária para nos ajudar a zerar o que está desgastado e, dessa forma, pensarmos em momentos mais agradáveis e com muita satisfação e beleza interior, algo que irá refletir constantemente nas nossas ações e também na nossa felicidade, já que o nosso brilho pessoal jamais será afetado por aquilo que é pequeno demais, se comparado à grandiosidade das nossas ações e percepções.

Imagens da Praia de Maracaípe, um lugar fantástico, tranquilo e muito inspirador. 
As energias agradecem...









0 comentários:

Postar um comentário