sexta-feira, 29 de julho de 2011

Edson Cordeiro

Ontem o artista passou pelo Recife e fez o show "Acústico". Deixo a letra do poema "Zorongo Gitano", do Frederico Garcia Lorca, que fala da voz, da música, do talento...
Algo que Edson Cordeiro tem de sobra.
Não pude ir ao show, mas tenho certeza que foi espetacular, pois já tive oportunidade de vê-lo cantar em outras ocasiões e em todas elas o resultado foi brilhante.

Existir como quem se arrisca
Como nesse cante em que se atira
O Cantador no alto do mastro
Por sua voz mesma levantado
Só se tem enquanto a voz tensa
Na medida em que sempre cresça
Ele não pode qualquer falha
Sem que deste mastro não caia
Nesse mastro por sua voz criado
Que só pode ser no mais alto
Pois que ao descuido de um instante
Cairia do alto de seu cante.

0 comentários:

Postar um comentário