sábado, 21 de março de 2015

Tempo é Dinheiro?

Prefiro dizer que tempo é qualidade de vida...
Não adianta nada corrermos atrás do dinheiro e da fama se não teremos saúde para usufruir de tudo isso, ou quem sabe ainda ficar pensando como iremos encontrar um tempinho na nossa agenda para aquela caminhada serena pela manhã, pertinho da nossa casa, e que por preguiça ou cansaço demasiado terminamos abolindo e ficando o tempo todo na frente da TV ou resolvendo as broncas intermináveis do trabalho que sabe viver perfeitamente sem a nossa presença e nós, inconscientes, achamos que somos insubstituíveis.
Nada disso..
Se não deixarmos que a qualidade de vida tome conta dos nossos dias, teremos cada vez mais chances de acumular doenças e de ter a terrível sensação de que corremos e não chegamos a lugar nenhum, já que morrer na praia é a palavra mais certa para qualificarmos a nossa derrota diante de tantas coisas que nos acontecem e que nos fazem deixar de lado o que realmente importa e precisa da nossa atenção. 
Um momento de reflexão interna é de grande valia para termos a noção do que precisamos fazer e também do que está ruim e precisa de ajuste nas nossas vidas, uma vez que a falta de tempo para nós mesmos nos faz ter a ligeira sensação de que ficamos perdidos e sem saber o rumo a ser tomado, tamanha é a nossa falta de atenção e cuidado com os pequenos detalhes que ficam esquecidos e aglomerados debaixo do nosso tapete empoeirado e cheio de tudo que não presta.
Saber arrumar um tempinho para um momento de desligamento do mundo é importante para que as forças se renovem e possam ser sentidas com mais eficácia pelo nosso corpo cansado e que pede um pouco de descanso, sempre ignorado pela nossa falta de consciência e sabedoria.
Estar em união com o mundo é saber o momento certo de usufruir do nosso tempo, trazendo para nós uma riqueza infinita e que jamais poderemos medir o seu valor. Esta grande valia é chamada de satisfação e que em outros momentos pode ser vista como felicidade, saúde, afeto, sorriso, liberdade, alegria e muita, muita paz de espírito.
Prefere tempo ou dinheiro?
Para mim eles não combinam e quem disse que tempo é dinheiro está redondamente enganado. Tempo só é dinheiro quando envolve máquinas. 
Em relação ao ser humano, tempo e dinheiro são opostos inacreditáveis.

0 comentários:

Postar um comentário