quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Das Coisas Que Surgem

Márcia Castro lançou recentemente o seu novo álbum e para minha surpresa, as músicas são bem mais sutis e calmas que os trabalhos anteriores. A cantora baiana tem talento de sobra para mostrar que pode navegar em várias áreas da música e ousar com os seus timbres diferenciados e arranjos bem elaborados. O ruim é que o CD, lançado de forma independente, não chega facilmente às lojas e para conseguir escutar a sua música, temos que contar com a internet para baixar os arquivos sonoros. 
Gostei muito das músicas "Partículas de Amor", que tem nuances sofisticadas e letra primorosa, a qual fala de amor e das suas ramificações. A participação de Mayra Andrade é um detalhe à parte na música "Na Menina dos Meus Olhos" e o dueto faz com que a canção, bela e dançante, possa ser ainda mais agradável de ser escutada.
Márcia Castro é sofisticada e tem talento de sobra para mostrar sua agilidade no palco por onde anda e basta vê-la cantar para percebermos que a sua leveza, segurança, criatividade e determinação são as chaves que abrirão muitas portas para a sua carreira que não é tão breve assim, mas só agora começa a ser conhecida pelo grande público, já que o seu álbum anterior foi lançado pelo selo Natura Musical, o que possibilitou a sua passagem por muitas cidades, inclusive Recife, que foi onde pude ter o prazer de vê-la cantar.
Ela também participou do Festival de Inverno de Garanhuns há dois anos e mostrou aos pernambucanos o seu incrível manejo, assim como as sonoridades variadas que aliam as técnicas mais elementares da música com os acordes eletrônicos da atualidade.
Sua apresentação pessoal é de grande destaque e cada detalhe ressalta o seu talento, pois veste roupas bem modernas e que combinam com o seu estilo de ser, pois carrega dentro de si uma jovialidade que pode ser vista facilmente nas suas canções.
Escutar Márcia Castro é algo singular, imperdível e faz parte da minha seleção musical dos últimos dias. Agradou bem os meus olhos e ouvidos...

0 comentários:

Postar um comentário