sábado, 6 de julho de 2013

Eco Nada

A Prefeitura do Recife espalhou pela cidade algumas lixeiras para coletar material reciclável, mas pelo jeito as pessoas estão sem saber o que é isso e terminam usando para jogar tudo e fazer a bagunça geral nos coletores.
Na verdade, coletor de lixo é uma coisa que não se usa muito por aqui, pois a quantidade de coisas jogadas na rua é impressionante e muitas pessoas tratam isso como algo comum, já que não receberam educação que tratava desse assunto. Na minha época de escola, esse tema era pouco falado, mas hoje a preocupação é bem maior, embora acredite que o exemplo e a conscientização ainda causem maiores efeitos.
Perceber a cidade suja e o lixo sendo tratado de forma desordenada e que impossibilite a reciclagem é algo ruim, pois a quantidade de materiais descartados diariamente é muito grande e se providências urgentes não forem tomadas, ficaremos com grandes dores de cabeça num futuro bem próximo.
Ainda a reciclagem é pouco praticada e cara. As formas de transformar os materiais, terminam sendo mais caras do que a compra de novos produtos, o que faz com que muitos percam o estímulo para exercer tal atividade. O material para ser descartado, deve, também, ser jogado de forma correta, pois se estiver muito sujo e com resíduos ruins de serem lavados, a transformação pode ser comprometida ou gerar materiais de qualidade duvidosa.
Outro ponto que precisa ser levado em consideração é que nem sempre os itens que são feitos, a partir dos materiais reciclados, possuem acabamento e beleza iguais aos que são fabricados em escala industrial e isso é algo que distancia os clientes dos produtos ecologicamente tratados. Vejo pouquíssimas empresas fazendo isso e quando fazem oferecem produtos mais caros, o que faz com que a disputa seja ainda mais difícil, pois um produto reciclado só ganha a batalha quando tem acabamento e beleza exemplares.
Eu acho válida a medida, mas uma campanha de divulgação ajudaria muito na coleta, algo que a prefeitura ainda não fez. De qualquer forma, é uma boa iniciativa, mas precisa do apoio de todos nós, moradores desta grande e complicada cidade.

0 comentários:

Postar um comentário