quarta-feira, 24 de agosto de 2011

As Descobertas

Descobri que a vida é mais intrigante do que imaginava e a cada novo dia um desafio nos faz ficar mais atentos ou temerosos do futuro.
Descobri que nem todos entendem o que eu digo e muitas vezes me pergunto se falo outra língua ou tenho dificuldade de me expressar.
Descobri que não te amava mais quando esqueci a data do seu aniversário.
Descobri que tenho rugas e que elas são inevitáveis e não adianta lutar contra isso.
Descobri também que os meus cabelos estão ficando cada dia mais ralos.
Descobri que minha paciência se esgota cada vez que tenho que repetir alguma informação.
Descobri que a minha mente é fértil, mas nem sempre é acompanhada pelas pessoas que me cercam.
Descobri que posso enxergar bem com um olho só e que isso não é o fim do mundo.
Descobri que o controle financeiro me ajuda a superar as dificuldades.
Descobri que a persistência me ajuda a ser mais forte e a não desistir do que espero para o meu sucesso.
Descobri que o sol nos dá vitalidade, mas se for aproveitado em excesso nos causa fadiga.
Descobri que nada é tão fácil quanto imaginamos e que para tudo devemos destinar um esforço adicional.
Descobri que metas podem ser cumpridas, mas a maioria delas não sai do papel.
Descobri que nada vale a pena se não estivermos cientes do que queremos.
Descobri que me abusei de pessoas irritantes e que não desejo tê-las no meu círculo de amizades.
Descobri que vivo melhor sem você, pois a tranquilidade impera em todos os meus dias.
Descobri que posso aprender com pessoas mais novas e que muitas vezes pareço uma criança.
Descobri o real sentido da felicidade quando encontro minha família e vejo o sorriso de todos eles.
Descobri que estudar nos ajuda a melhorar nossos relacionamentos e nossa capacidade de entender o mundo.
Descobri que a vida é sempre uma descoberta e que isso não irá mudar nunca.
Descobri que alguns amigos só aparecem quando há interesse pessoal na causa.
Descobri que suportei muitas humilhações e mesmo assim continuo firme e sem nenhum trauma.
Descobri que o mundo dá muitas voltas e em todas elas eu encontrei os que me fizeram mal.
Descobri que nada é para sempre, mas mesmo assim a esperança continua viva.
Descobri que as músicas nos encantam, mesmo quando num primeiro momento não apresentam sentido.
Descobri que o trabalho é uma dádiva, mas tem dias que cansa.
Descobri que nunca deixo de evoluir e que isso é o que me deixa feliz.
Descobri que uma frase escrita nos dá vergonha na cara para não buscar respostas sobre os fatos.
Descobri que o silêncio é o melhor dos remédios.
Descobri que fica cada vez mais difícil emagrecer quando passamos dos 30 anos.
Descobri que a saudade é irremediável quando alguém importante se vai.
Descobri que a morte é inevitável, mas a evitamos a todo momento.
Descobri que a paciência às vezes me falta, mas é preciso tê-la.
Descobri que cantar acalma o coração mesmo que a melodia saia desafinada.
Descobri que um banho relaxante é aquele que limpa o suor de um dia quente e sufocante.
Descobri que estar sozinho é muito necessário para recompor os pensamentos.
Descobri que nada vale a pena se não tivermos fé e confiança.
Descobri que as injustiças que sofri só me fizeram mais forte.
Descobri que acusar é mais fácil do que entender e que sempre fizeram comigo a primeira opção.
Descobri que não sinto falta das suas desconfianças e mal humor.
Descobri que a beleza não está no todo e sim nos detalhes.
Descobri que posso contar com quem menos espero nas horas mais difíceis.
Descobri que a natureza me ajuda a entender o mundo e a mim mesmo.
Descobri que tenho dificuldade de escutar conversas fiadas.
Descobri que percebo quem mente para mim e isso é o fim.
Descobri que um bom filme é instrutivo e necessário para os nossos dias.
Descobri que as pessoas se aproveitam das outras quando acham facilidade demais.
Descobri que os jovens estão cada vez mais soltos e sem perspectiva futura.
Descobri que o alimento é bom, mas na quantidade acertada.
Descobri que o líquido faz com que o nosso corpo funcione perfeitamente.
Descobri que me descubro e isso é algo que não passa...

0 comentários:

Postar um comentário